Jesus e a Adúltera.


Uma mulher pega em adultério, uma pobre mulher que estava condenada a morte, embora o homem que estava com ela, não. 

Ela era apenas uma pecadora, e seu mundo estava desmoronado, imagine que se ela estava em adultério, algo em sua vida estava muito mal. 

A vida sentimental dessa mulher certamente era um fiasco. Ela estava derrotada, e agora, prestes a ser apedrejada, talvez era isso que sua alma desejasse, ela queria morrer, podemos imaginar que sua vida não era fácil.

E Jesus, vendo aquela situação, não se conteve em tomar a frente daquele ato terrível que estavam prestes a praticar.

E disse algo simples que, às vezes, nos esquecemos: nós também temos pecados.

Isso me faz pensar que antes de apontar uma pedra para uma pessoa, seja por qualquer pecado que ela possa estar vivendo, eu preciso me conscientizar dos meus pecados, das minhas falhas e do quanto sou dependente desse enorme amor de Cristo.

Seja você também, não como um daqueles que tinham uma pedra em sua mão, mas seja você um representante de Cristo e traga amor aos que estão aflitos em suas almas , se lançando em pecados que sabem que serão sua destruição, não ignore uma alma a ser morta, seja você um pequeno Cristo na vida de alguém.

Fique na Paz.

Dryelle Allen.





JESUS não é religião.



Jesus nunca instituiu um ritual, uma doutrina, uma forma exata de ser santo, de ser Dele. 



Fico muito triste quando vejo um crente que julga alguém que tem um cabelo pintado de roxo ou uma tatuagem ou mesmo seja de uma denominação diferente da sua.

Eu nasci na Assembléia de Deus e me lembro bem como eram as doutrinas, era afirmado categoricamente que usar brinco, pintar unhas, usar calças e etc era um pecado imperdoável para as mulheres. 

Quantas meninas , jovens e mulheres foram excluídas por usarem um acessório ou mesmo por cortarem a pontinha dos seus cabelos. Imagine que isso era repudiado e colocado como um enorme pecado!

Esse tempo passou, e fico impressionada quando ainda existem pessoas que vivem a Religiosidade dentro das Igrejas.

Jesus jamais nos ensinou rituais ou mesmo definiu santidade para nós, Ele apenas disse para sermos santos como Ele é. 

Então, se você quer conhecer Jesus não olhe para as religiões, não olhe para as denominações, 

Viva Cristo, Ele é intimidade com o Pai.

Fique na Paz.

Dryelle Allen.






JESUS, precisamos mais Dele em nossos tempos.



Meu coração ardeu quando percebi que precisava parar de me preocupar com tantas coisas e manter meu foco no que realmente importa: JESUS.

Fala-se tanto em Igrejas, dogmas, doutrinas, religiões, ..., inúmeras coisas que tiram nosso olhar do Mestre da Galiléia. 

Ele veio ao mundo, se fez carne, sujou seus pés com o barro desse chão, andou entre mendigos, aleijados, enfermos, doentes de alma e corpo, Ele caminhou com pessoas de todos os tipos, e sempre manteve o mesmo olhar para cada uma delas, explicando-lhes o REINO DE DEUS. 

Isso enche meu coração e inflama meu espírito para dizer que precisamos olhar mais para JESUS. 

Imagine Ele aqui entre nós hoje e pense o que Ele pensaria em cada uma das discussões que vemos em comentários do Facebook, no Youtube, de todos os debates teológicos, que certamente, passa longe de seus sermões e ensinos.

Fico observando que Ele nunca perdeu 1 minuto sequer de sua caminhada entre nós para dizer quem estava certo ou errado , ou mesmo para determinar padrões a serem seguidos.

JESUS é o caminho, e SOMENTE Ele é a vida!

Por isso, a partir de Hoje, vou fazer uma série de vídeos e posts falando Dele, Jesus , nosso amigo fiel e verdadeiro. Nosso Alvo. Nosso Deus.

Fique com Deus.

Dryelle Allen.








Devo me casar para fazer sexo?


"É melhor casar-se do que abrasar-se" ICor7:9




A Bíblia diz que é melhor casar do que ficar ardendo de desejo, mas, vamos analisar claramente isso para nosso tempo...

O sexo nunca deve ser a motivação principal para o casamento, e o versículo bíblico citado não pode ser utilizado como pretexto para isso. 

Muitas vezes, esse versículo é utilizado fora do contexto ideal para motivar jovens cristãos a se casarem para fugirem da fornicação, mas, na verdade, o autor desse texto, Paulo, aconselha aos jovens e viúvas daquele tempo que considerassem permanecer solteiros já que viviam numa sociedade sexualmente corrompida.

Hoje, sim estamos num mundo totalmente corrompido sexualmente, onde ser virgem é quase uma raridade, dessa forma, o mesmo conselho dado por Paulo naqueles dias serve para nós ainda hoje!

Sabemos que o desejo sexual é algo natural do instinto humano, mas a sexualidade é apenas uma parte da vida, logo a decisão do casamento jamais deve ser tomada por conta desse desejo, nem apenas pela razão também. 

É fato que casais que se uniram em matrimônio apenas por seus desejos sexuais tem grande chance de serem infelizes e posteriormente virem a se divorciarem.

Posso afirmar que o sexo é uma parte muito importante no casamento, mas, não define o casamento. Na verdade não devemos nos casar por necessidade alguma: sexo, status social, sair da casa dos pais, necessidade financeira, ou que quer que seja!

Deus não determinou isso em sua Palavra para nos castigar, mas, você pode perceber que é uma forma de preservar você de seus próprios desejos incontroláveis, como a atração física por alguém que não pode ser talvez a melhor pessoa para compartilhar a vida ao seu lado.

Mas quero esclarecer que se você já praticou o sexo antes do casamento, não se deve condenar como quem não tem mais a benção de Deus para sua vida, você tem a escolha de obedecer a Deus em qualquer momento, certamente sofrerá os mesmo anseios e desejos ardentes, porém, estará debaixo da graça de Deus que minimizará toda a ansiedade que seu corpo produz, te dando paz para seguir os princípios de Deus.

E agora, qual a sua opinião sobre esse tema?




Na lateral do blog, clique em:




Mulher, tenha consciência do seu valor e mude sua vida sentimental.


         


Antes de responder, tenha em mente que Deus te fez única e bonita o suficiente para viver todos os seus sonhos. 

Uma mulher que tem consciência de seu valor não aceita ser rebaixada, humilhada nem rejeitada por homem algum. Ela sabe que sua vida não gira em torno de ter um namorado.

Senti o Espírito Santo me tocar para falar hoje sobre isso porque me lembrei do quanto eu demorei para compreender o meu valor, o quanto minha mente relutou comigo mesma para que permanecesse me sentindo inferior e subjugada a me sentir pouco atrativa.

Muitas mulheres só acordam para si mesmas após viver experiências amorosas traumáticas. Outras nem mesmo assim aprendem a lição, e pensam que a culpa de sua infelicidade no relacionamento seja totalmente delas por não serem boas o suficiente.

Em contrapartida existem outras que conseguem "ser felizes no amor", essas podemos notar que têm uma postura diferente das que não têm consciência de seu valor, a autoestima de uma mulher bem consigo mesma não a deixa viver em função de um relacionamento, ela tem diversas realizações para curtir em sua vida!

O comportamento delas demonstra respeito por si mesmas, logo, só se aproximam de homens que as valorizem. 

Saiba que quando não nos amamos, temos ímã para "trastes"!

É claro que toda mulher sofre de um pouquinho de insegurança, seja a mais linda e perfeita das mulheres, isso é normal. Mas a maneira como lidamos com nossos medos e incertezas é que vai definir nossa atitude diante de uma relacionamento.

Recordo-me que quando eu tinha um relacionamento à vista as mesmas perguntas me atormentavam: será que ele é o homem certo? Será que ele vai me achar bonita? Será que vou sofrer ? E se eu não corresponder às expectativas dele? 

Em uma tarde de domingo, eu refletia sobre minha vida quando me dei conta de que essas respostas seriam simples se eu tão somente pensasse uma coisa: preciso aumentar minha autoestima e aprender a me amar incondicionalmente, isso transformará minha vida sentimental!

Eu sabia que sempre que eu repetisse os mesmos padrões negativos, eu teria os mesmos resultados negativos, ou seja, os mesmos comportamentos não me levariam a lugar algum.

Por isso, esse post não é suficiente para falar de tudo o que aprendi no decorrer dos dias após tomar essa decisão comigo mesma, porém, devo pedir que você também reflita sobre o seu valor e o que você esperar de um relacionamento, isso não é simples de se colocar em prática, vou logo avisando, mas, a cada novo dia, será também um pouco mais da mulher incrível que você é, mas, ainda não sabe!

Se quiser falar mais sobre esse assunto, estarei à disposição para responder.








Siga o blog, na Lateral clique:


Se inscreva no canal:


Uma Mulher sem padrões a seguir.


"Criou Deus, pois, o homem à sua imagem, à imagem de Deus o criou; homem e mulher os criou" Gn 2:20-23



Como deve ter sido ser a primeira mulher da face da Terra? Qual seria seu modo de ser e pensar sobre si mesma? 

Em nosso tempo, vivemos rodeadas de padrões pré-estabelecidos para nós mulheres. 

Miss, Modelo, Mulherão, magra, gorda, loiras, morenas, negras, orientais... somos tantas e de tantos tipos!

      Foto: loja online ModCloth


Refletindo sobre Eva, eu parei para me imaginar na seguinte situação:
  • E se não tivéssemos nenhum padrão para seguir?
  • Se a única mulher fosse eu?
  • Como eu me veria então?

Se você pensa que está gorda é porque existe algo que te diz que está, e nem sempre é a balança, às vezes é apenas o espelho. E no incômodo que aquela sensação te traz, logo, pensa que precisa emagrecer e se vê mal por isso, o que enfraquece sua autoestima, sua autoconfiança, e seu amor próprio fica abalado, causando outros problemas derivados desse.

Esse algo que nos diz sobre nossa beleza, nosso modo de ser,  nossa forma de existir, inconscientemente pode ser o padrão que somos submetidas pela mídia através das novelas, da moda, das personagens públicas que são, em sua maioria, "todas iguais".

Para sermos nós mesmas, penso que devemos nos espelhar em Eva. Fazer-nos únicas em nosso mundo.

E uma lição que tiro de Eva, nesse momento, junto com vocês enquanto escrevo é que ela era totalmente dependente de Deus, ou seja, o seu criador que a ensinou a viver, a amar, a enfrentar as dificuldades, a superar as circunstâncias, sem nenhum outro exemplo a seguir.

Como me faço única ? Como Eva, preciso depender de Deus para me ensinar a viver o meu melhor! Preciso ter coragem para enfrentar a minha realidade e construir minha verdadeira identidade, sem as sombras do que agrada ou não ao padrão pré-existente.

Deus me conhece e pode me ajudar a me encontrar também, seja no meu corpo, cabelo, jeito de ser, sentir e pensar, tudo o que eu sou pode ser edificado pela mão de Deus, se eu quiser.

Certamente que Ele me mostrará o caminho certo a seguir para mim como mãe, esposa, filha, companheira, amiga... como uma princesa, uma rainha, uma simples camponesa ou mesmo uma menina, seja como for, em qualquer tempo da minha vida, posso ser ainda o que Deus deseja para mim, e isso me fará única por que Ele teve o cuidado de me fazer original, e eu que me fiz xérox do que a mídia imprimiu para mim.

Essa minha reflexão ficou latente em meu coração, me fazendo, agora, desejar saber como eu seria sem a influência dos padrões a seguir.

Já pensou nisso?

Siga o blog, na lateral clique em :

 Visite o canal e inscreva-se:
















A FRASE MAIS FAMOSA DO MUNDO





Sempre ouvimos alguém dizer: Jesus te ama, e eu também!

Essa frase foi tão dita que muitos já se esqueceram do real sentido dela em nossas vidas. 

Essa frase é tão forte que falar dela é algo que toca nosso coração e alma por dentro, afinal, sabemos que Deus entregou seu único filho, Jesus, para vencer por nós nossas dores e angústias, e ainda, a morte, nos concedendo a oportunidade de alcançar a vida eterna!

Sejamos sinceros, Jesus AMA-nos! Mas geralmente esquece-mo-nos disso ao lançar nossas ansiedades à frente desse amor, e principalmente por nos sentirmos pecadores demais para aceitar esse amor.

Mas a verdade é que Deus jamais chamou os "perfeitos", mas sim aqueles que precisavam de cura e libertação de algo que estava sendo impedimento em suas vidas! Ele veio para isso! E seu Espírito Santo ainda hoje, em nós, deseja nos curar e libertar!

Agora, ao invés de apenas ouvir da boca de alguém que Jesus te ama, que você possa se apropriar desse amor! Saber que é seu! E vivê-lo como antes nunca viveu, amando-te também como Ele te ama!






Siga o blog, na lateral clique em:



Visite o canal e inscreva-se: